PSOL: Polícia Federal vai investigar quem está por traz dos movimentos de mulheres nos quartéis da PM

O site Cristalvox obteve a confirmação de que o Governo Federal já trabalha com a possibilidade de que  o movimento de mulheres postadas em frente aos portões de Batalhões da Polícia Militar do Espírito Santo e do Rio de Janeiro está sendo articulado por um partido político. O PSOL seria “o tanque de gasolina” que está  abastecendo toda a movimentação externa aos quartéis que tornou a vida da população Capixaba num “inferno” e já se alastra para o Rio de Janeiro. O movimento das tropas federais  já custou muitos milhões de reais para o contribuinte brasileiro.

O Ministro da Justiça  já determinou que PF descubra  quem são os articuladores de movimento da PM.   José Levi do Amaral, visitou o Espírito Santo neste sábado (11) e anunciou medidas da Polícia Federal sobre a crise instalada na segurança pública do Estado.

Durante entrevista coletiva no Palácio Anchieta, em Vitória, Levi revelou que já estão em andamento as investigações sobre a autoria do movimento que levou as mulheres e outros familiares dos PMs para as portas dos Batalhões e Quartel no Estado.