lula teori e wolk

Lula é quem comanda a Lava Jato no STF

Não é piada: Você não está louco(a)! É isso mesmo… Assessor do Ministro do STF, Teori Zavascki assinou manifesto a favor de Lula,  no qual o ex-presidente petista, comandante do petrolão,  recorre ao Comitê de Direitos Humanos da Organização das Nações Unidas que pedindo “asilo branco” e  ESCULHAMBANDO a justiça brasileira.


Este conteúdo é produzido por CristalVox. Apoie nosso trabalho curtindo nossa página

Agora surge a verdade. Teori Zavascki não é um ministro do Brasil. Não é um ministro da justiça independente do Brasil. Teori, na verdade, igual a Ricardo Lewandowski é um militante petista com assento no STF.

Teori Zavascki, ORIENTADO por seu “assessor bigodudo avermelhado” prendeu Delcídio do Amaral de forma injusta. O ex-senador só foi meio da ação desastrada que visava “fugar” Nestor Ceveró. O “pensador”, o “articulador” e o “mandante” Luis Inácio Lula da Silva foi “salvo” e “protegido” por Teori Zavascki. Na ordem de prisão de Delcídio deveria constar, em primeiro lugar, o nome de Lula.




Está tudo explicado e o Brasil agora sabe quem é o verdadeiro ministro petista, relator do Lava-Jato no STF.  Ele é uma “hidra”.  També trabalha  a quatro mãos: Teori Zavascki e seu colega aposentado de TRF 4,  Manoel Lauro Volkmer de Castilho  cuidam de “proteger” Lula na Corte Suprema do Brasil.

QUE VERGONHA PARA A JUSTIÇA  BRASILEIRA…

leia o que publica o jornal o estado de São Paulo

“BRASÍLIA – Um assessor do ministro Teori Zavascki, relator da Operação Lava Jato no Supremo Tribunal Federal (STF), assinou um manifesto apoio à decisão da defesa do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva de recorrer a Comitê de Direitos Humanos da Organização das Nações Unidas (ONU).
Manoel Lauro Volkmer de Castilho é desembargador aposentado do Tribunal Regional Federal da 4ª Região e é casado com a vice-procuradora-geral da República Ela Wiecko. Ela, por sua vez, é braço-direito do procurador-geral da República, Rodrigo Janot.
A assessoria do Supremo confirmou que Castilho trabalha no gabinete de Teori, mas disse que o ministro não foi encontrado para comentar o caso.
A nomeação do desembargador foi oficializada em novembro de 2014, e foi vista como um reforço na equipe de Teori no momento em que a Lava Jato iria entrar numa nova fase, quando o Ministério Público Federal começaria a apresentar as denúncias contra os políticos citados nas delações premiadas dos envolvidos no esquema de desvios da Petrobrás.”
Conteúdo O estado de São Paulo, editado pelas jornalsitas Isadora Peron e Beatriz Bulla