Plenário do Senado Federal durante sessão deliberativa extraordinária.

Em discurso, senador Telmário Mota  (PDT-RR). 

Foto: Geraldo Magela/Agência Senado

Explosivo: Senador espancou jovem mulher até ficar inconsciente, desmaiada… Pode ser cassado!

Senador Temário Mota(PDT/RR), 58, é acusado de agredir Maria Aparecida Nery de Melo, 19 anos. Os exames médicos apontaram lesões na cabeça, boca, orelha esquerda, região dorsal, braço direito e joelho esquerdo. Um relacionamento amoroso trazido à público?


Este conteúdo é produzido por CristalVox. Apoie nosso trabalho curtindo nossa página

Em novembro, o senador foi à tribuna do senado para sugerir a “agilização” de “todos os projetos de lei e outras proposições que digam respeito ao combate à violência contra a mulher e coloque na cadeia os agressores valentões.

O jornal Folha de São Paulo desta quarta, 27, traz matéria assinada pelo jornalista Rubens Valente que poderá provocar a cassação do senador Temário Mota(PDT/RR) por agredir uma jovem de 19 anos em Boa Vista, no final de 2015.




Diz a Folha: “No último dia de 2105, a estudante universitária Maria Aparecida Nely de Melo, 19, procurou a Polícia Civil de Boa Vista (RR) para registrar um boletim de ocorrência contra um homem que segundo ela, a espancara com chutes e socos com tal violência que a levara ao desmaio.

Seria uma ocorrência a se somar ao cotidiano de violência contra a mulher em Boa Vista,  não fosse por uma particularidade. O denunciado é um dos homens mais poderosos de Roraima: O senador Telmário Mota(PDT), 58 anos.

Ao Jornal,  o Senador Telmário Mota negou ter agredido a garota e ter mantido um relacionado amoroso com ela. “Não teve negócio de agressão, não existe isso, em nenhum momento, até porque não tenho nada com ela”.

Leia a matéria na íntegra em
http://www1.folha.uol.com.br/poder/2016/07/1795804-jovem-diz-ter-sido-espancada-por-senador-telmario-mota-ate-desmaiar.shtml