e´xercito na ruas  - Foto luiz Armando Vaz

Exército nas ruas de Porto Alegre: Garantia da lei e da ordem em marcha

“De acordo com o comandante da 8ª Brigada de Infantaria Motorizada (8ª Bda Inf Mtz) do Exército, general Carlos Alberto Dahmer, “o trabalho é um exercício de preparação, que faz parte “da missão constitucional do Exército de garantia da lei e da ordem”.


Este conteúdo é produzido por CristalVox. Apoie nosso trabalho curtindo nossa página

Estamos com um grupo de combate diretamente ligado ao Comando Militar do Sul. Há homens experientes, que participaram de ações no Haiti e nos Complexos do Alemão e da Maré, no Rio de Janeiro — explicou o tenente-coronel Raymundo Pires Monteiro, que comanda a operação.

Com a manchete: Exército amplia operações em ruas de Porto Alegre, o jornal Zero Hora mostra a atuação objetiva e direta das Forças Armadas nas ruas da capital gaúcha. É uma resposta ao aumento exponencial da criminalidade.  A matéria  é assinada pelo talentosíssimo jornalista Renato Dornelles. A foto é de Foto luiz Armando Vaz.

Treinamento até então restrito aos bairros Ipanema, Guarujá e Serraria foi estendido ao Santa Tereza nesta quinta-feira.

O movimento realizado pelo Exército, com patrulhamento de ruas e avenidas de Porto Alegre, em ação conjunta com a Brigada Militar, pela primeira vez foi realizado na região do bairro Santa Tereza, ao longo do dia, nesta quinta-feira. Nas três últimas semanas, a ação havia sido realizada nos bairros Ipanema, Guarujá e Serraria, na Zona Sul.
Um posto de bloqueio e controle foi montado durante a manhã e a tarde no início da Rua Correia Lima, nas proximidades do quartel do 3º Batalhão de Polícia do Exército (3º BPE), cujo efetivo participa da operação.

Com o auxílio de cães farejadores, os militares abordam motoristas que trafegam pela via, identificando-os e revistando os veículos. Policiais militares do Pelotão de Operações Especiais do 1º BPM acompanham o trabalho, garantindo poder de polícia à ação.

Paralelamente, é realizado patrulhamento em algumas vilas do bairro, próximas ao quartel da 1ª Divisão de Levantamento, com o uso de viaturas do Exército e da BM.