Escritor gaúcho era espião da KGB

Escritor gaúcho Josué Guimarães era o espião “Gosha”, a serviço da KGB soviética, revela jornal português Expresso, informa Vitor Vieira em www.poncheverde.blogspot.com.br


Este conteúdo é produzido por CristalVox. Apoie nosso trabalho curtindo nossa página

O  jornal português Expresso pesquisa nos arquivos do arquivista da KGB, Vasili Mitrokhin, na Universidade de Cambridge, e descobre os nomes dos espiões comunistas portugueses a serviço da União Soviética; entre eles, lá está a referência ao jornalista e escritor gaúcho Josué Guimarães, recrutado em meados da década de 70 pela KGB, e que espionou até meados dos anos 80 para o império do mal comunista do leste Europeu. A extesnsa matéria do jornal Expresso, amplamente documentada, foi publicada em março deste ano.

A referência a Josué Guimarães está quase no final da matéria, mas é bastante detalhada. Apesar disso, não proporcionou qualquer comentário no Brasil, nem dos meios jornalísticos e tampouco dos literários. Cobriu-se o tema com um grande manto de silêncio. Mas, a verdade é essa: Josué Guimarães mantinha lealdade ao regime soviético, conforme o texto da Expresso. Na medida em que os arquivos soviéticos forem sendo revirados e pesquisados, muitos mais esquerdistas brasileiros serão revelados como espiões a serviço do comunismo e da extinta União Soviética.

Leia a matéria completa em
http://poncheverde.blogspot.com.br/2016/07/escritor-gaucho-josue-guimaraes-era-o.html

%d blogueiros gostam disto: