cachoeira e cavendish

Cachoeira e Cavendish na penitenciária! Desembargador anulou decisão que concedia prisão domiciliar

TRF anula decisão que dava prisão domiciliar a Cavendish e Cachoeira.Os dois e outros 3 presos permanecerão em Bangu, em prisão preventiva.  Desembargador deferiu pedido do MPF, que pediu suspeição de juiz.


Este conteúdo é produzido por CristalVox. Apoie nosso trabalho curtindo nossa página

O desembargador federal do Tribunal Regional Federal da 2ª região (TRF2) Paulo Espírito Santo decidiu reconsiderar nesta quarta-feira (6) a decisão do desembargador Ivan Athié que, na sexta-feira (1º), havia convertido a prisão preventiva em domiciliar do contraventor Carlinhos Cachoeira, do dono da Delta, Fernando Cavendish, e dos outros três presos na Operação Saqueador, que investiga o desvio de R$ 370 milhões em contratos de obras públicas.

O desembargador deferiu o pedido do Ministério Público Federal, que recorreu do habeas corpus, “mantendo na íntegra a prisão preventiva” de Cavendish, Cachoeira e dos empresários Adir Assad, Marcelo Abbud e Cláudio Abreu.

O MPF havia pedido a suspeição do desembargador, alegando que ele é amigo de Técio Lins e Silva, o mesmo advogado que defende Cavendish e que, em outra oportunidade, também atuou na defesa de Athié. O próprio Athié pediu na terça para deixar o caso dizendo que estava sofrendo muitas críticas.

Conteúdo G1