close

Rodrigo Maia(DEM) vai “presidir” o Brasil por 30 dias

rODRIGOmAIABOA
Renan Calheiros já decidiu: Temer cai antes da sua remoção do cargo de “líder” do PMDB no Senado. Renan sabe do que está “a falar”. Sua “explosão” está estampada nas páginas de todos os jornais e sites brasileiros na tarde desta segunda, 29.

Diz o Antagonista: “Os senadores do PMDB, como já dissemos, se reunirão amanhã para decidir sobre a expulsão de Renan Calheiros da liderança.
Renan acredita, segundo o Estadão, que Michel Temer cairá antes de ele deixar a função no partido.
Diz o Estadão: ”  Ultimato. Renan Calheiros (AL) dificilmente escapa de ser destituído da liderança do PMDB no Senado em reunião na terça-feira.
Pagando pra ver. A aliados, Renan dá de ombros às ameaças e retoma a artilharia. Diz que Temer sairá do governo antes de ele ser destituído da liderança.”
Diz a Constituição: 
Art. 81. Vagando os cargos de Presidente e Vice-Presidente da República, far-se-á eleição noventa dias depois de aberta a última vaga.
§ 1º Ocorrendo a vacância nos últimos dois anos do período presidencial, a eleição para ambos os cargos será feita trinta dias depois da última vaga, pelo Congresso Nacional, na forma da lei.

2 Comentários

  1. Nossa Constituição é completamente cheia de falhas deixadas pelos congressistas para terem brechas para manobras. Como podemos acreditar que um dia nosso País será governado plenamente por um presidente e um vice presidente ilibado se não podemos nem confiar plenamente neste compêndio!! Estou deverá entristecido com nossos congressistas!! Mas que seja executada a LEI!!!

Deixe seu comentário