"De uma hora, tirou os palavrões, sobrou um minuto e meio, o resto é impublicável"

"De uma hora, tirou os palavrões, sobrou um minuto e meio, o resto é impublicável"


Segundo o jornal  Folha de São Paulo, Datena afirmou nesta sexta, 23, que não gostaria de entrevistar nunca mais, o presidente Jair Bolsonaro.
A afirmação foi feita durante o programa Brasil Urgente, após ter visto parte do vídeo divulgado de uma reunião ministerial, onde o o presidente faz ameaças e verbaliza palavrões inpublicáveis. 


Compartilhe