MP pede lista de bens para saber se Lula se apropriou de presentes na presidência

A procuradoria da República no Distrito Federal pediu ao juiz Sergio Moro que envie para Brasília cópia de documentos recolhidos nos processos de busca e apreensão contra o ex-presidente Lula e laudos periciais que indiquem todos os bens que o petista ganhou de autoridades e que pode ter armazenado consigo depois que deixou o Palácio do Planalto. A ideia, diz o Ministério Público, é “apurar a possível ocorrência de apropriação indébita de bens públicos” e, por isso, pede “a relação de bens catalogados pela Polícia Federal que possam ter origem relacionada às missões oficiais do governo brasileiro, decorrente das trocas protocolares de presentes, e que podem estar indevidamente em posse do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva”. O processo envolve todos os ocupantes do Planalto de 1990 a 2010 e,no caso de Lula, um dos focos é saber se ele se apossou de um crucifixo barroco presenteado pelo diretor de uma mineradora. (Laryssa Borges, de Brasília- Veja)


Este conteúdo é produzido por CristalVox. Apoie nosso trabalho curtindo nossa página