Leonardo Boff é o padre do “diabo”… “acolhe” e se solidariza com canalhas

Que Leonardo Boff de há muito anda de “mal com Deus”, todos sabemos. Mas que tenha passado para o “time do capiroto” é uma certeza recente. Um homem bom e justo,  jamais aconselharia crueldade contra  animais e se posicionaria publicamente contra pobres, doentes e desvalidos. Com tristeza,  testemunhamos que um homem que jurou servir Deus e seus filhos tenha, de forma oportunista,  se aliado ao lado “negro” da vida terrena…


Este conteúdo é produzido por CristalVox. Apoie nosso trabalho curtindo nossa página

Leonardo Boff namora com o “demônio” tem muitos anos. Seu discurso deixou de ser cristão. Suas pregações públicas mostram um homem amargurado, sem rumo, sem conteúdo  e sem nexo. Exorta a luta de classes. Acredita e fomenta o “caos”.

Hoje, nas redes sociais, Leonardo Boff se superou. Postou uma mensagem de apoio a senadora Gleisi Hoffmann.

O que esperar de um padre canalha que manda jogar bolinhas de gude para derrubar os cavalos de policiais, não se importando com a saúde dos animais e a integridade física dos pais de família que estão cumprindo missão de Estado…

Boff_Cavalos

O que esperar de um padre canalha que comparece às redes sociais para “se mostrar solidário” com uma senadora que se beneficiou  com o “roubo”…  -“roubo” sim pois está clara a violência moral – praticado por seu marido, não demonstrando nenhum sentimento humano para com as vítimas  que são milhões de brasileiros pobres, velhos, doentes, desesperados…

leonardo boff um canalha