José Eduardo Cardoso será preso por ordem do STF – Obstrução da Justiça é crime!

Quem não lembra a “viagem secreta”  realizada por Zé Cardoso, numa madrugada fria em direção  de Curitiba.  Ele, então Ministro da Justiça,  se reuniu com policiais federais as  02H00AM. O país quis saber o motivo de uma viagem inusitada, na calada madrugada.  Nesse dia, o Ministro da Justiça do Brasil  trabalhava para “melar” a operação Lava Jato. Voltou para Brasília convencido que sua viagem tinha sido em vão. Os Federais, homens e mulheres de caráter, fibra e honra são se curvaram à sua ordem.


Este conteúdo é produzido por CristalVox. Apoie nosso trabalho curtindo nossa página

José Eduardo Cardoso, à frente do Ministério da Justiça,   capitaneava  uma ação não republicana contra a justiça brasileira.  Sua missão, em combinação  e por ordem expressa da Presidente da República era criar uma cenário capaz  de “livrar ”  o todo poderoso Marcelo Odebrecht da cadeia.

Tudo deu errado. Na república de Curitiba, então, ninguém se curvou!

José Eduardo Cardoso e Dilma Russeff partiram para o plano 02.  Nomearam Ribeiro Dantas para a vaga de Ministro no STJ.  Comprometido com a ORCRIM, viu os planos palacianos  fazer água. De novo, deu tudo errado. O Ministro Feliz Fischer travou pé e não permitiu que Zé Cardoso e Dilma desmoralizassem o Superior Tribunal de Justiça. Ribeiro Dantas adernou e hoje todos sabem o preço da sua nomeação. É um ministro zumbi. Acabou sua carreira no judiciário.

Mas ninguém tinha certeza dessas manobras de Zé Cardoso e Dilma contra o Poder Judiciário e a Lava Jato. Tudo ficava no “campo imaginativo” e nem mesmo a delação de Delcídio foi capaz de assegurar que, de fato, tenham conspirado para obstruir o trabalho da justiça~.

Hoje, com a delação da Odebrecht o Brasil fica sabendo que José Eduardo Cardoso “manchou”,  para sempre,  a história do mais antigo e respeitado ministério do Brasil República…