close

Homossexual, rigoroso, competente, Ministro Herman Benjamin que julga Dilma e Temer quer chegar ao Supremo

Publica Políbio Braga: Nesta reportagem da Folha de hoje, as repórteres Letícia Casado e Marina Dias contam que o ministro Herman Benjamin é admirado por se assumir homossexual, tratando de forma aberta o tema no ambiente conservador do Judiciário. Benjamin disse à Folha que isso não atrapalha seu trabalho nos tribunais superiores: “Não tenho como fazer juízo de valor sobre a percepção que terceiros têm da vida das pessoas e colegas”. O magistrado elogia o ambiente de trabalho “extraordinário” do STJ.
Diz que é um “Tribunal da Cidadania”, preocupado em zelar “fora e internamente, pelo respeito à dignidade da pessoa humana, sem discriminação de gênero, orientação sexual, raça, religião ou origem geográfica”. 
Leia mais:
Não era sua especialidade, mas o ministro do TSE (Tribunal Superior Eleitoral) Herman Benjamin decidiu fazer desta a ação de sua vida.
E não era para menos. Aos 59 anos, o paraibano Antonio Herman de Vasconcellos e Benjamin é o relator do maior processo da história do tribunal, que pode cassar, por abuso de poder político e econômico, a chapa presidencial composta por Dilma Rousseff e Michel Temer nas eleições de 2014.
Precisou deixar de lado causas de direito ambiental e do consumidor, áreas nas quais é referência, para se debruçar com rotina quase acadêmica –com inúmeras horas de estudo e levantamento de detalhes– ao financiamento eleitoral.
Seu voto será histórico, e ele sabe disso. A amigos confidenciou recentemente que apresentará seu parecer em abril, antes do fim do mandato dos ministros Henrique Neves e Luciana Lóssio.
http://www1.folha.uol.com.br/paywall/login.shtml?http://www1.folha.uol.com.br/poder/2017/03/1865637-rigoroso-e-homossexual-assumido-herman-benjamin-quer-fazer-historia-no-tse.shtml

11 Comentários

  1. Se tiver competência, isso falará mais alto que a vida pessoal dele. E se fizer o que a Nação espera de um ministro, como a obrigatoriedade e lisura em julgar, a vida pessoal dele só interessa a ele. Quem é tão "Santo" que atire a primeira pedra, mas já sabendo de ante-mão que até os considerados "santos", tem um que de erraticidade…É esperar pra saber, mais alguns dias, ou menos alguns dias, não fará muita diferença do que o que vivemos hoje…Torcendo para que dê certo, afinal é alguma das coisas que podemos fazer atualmente…Nénão?

  2. Torco por qualificacao, lisura e competencia nos tribunais superiores, mas chegamos a um grau tao profundo e extenso de corrupcao sistemica nos 3 poderes do Brasil com pessoas e orgaos sujando curriculum, imagem e reputacao para proteger-se uns aos outros com uma frequencia assombrosa que nao mais acredito nas instituicoes brasileiras. So mesmo aguardando para ver se ainda se salvam algumas poucas figuras honestas no TSE.

  3. Parabéns a este juiz, que aparentemente demostra sensatez e clareza de pensamento , espero que as pressões externas não ameacem sua decisão e que possa mostra que seu caráter está acima de qualquer suspeita.

  4. O que se conta deste juiz, Ministro Herman Benjamim, coloca-o fora de qualquer suspeita. Que bom que seja assim, quando se vive um Judiciário cheio de toda suspeita; com postura política incompatível com a isenção que se espera dele.

  5. Palavras dissimuladas, tendenciosa e homofobica:"…Homossexual, rigoroso, competente, Ministro…".
    Por acaso ser escreve:… Ministro Heterossexual, rigiroso, competente…Para àqueles que, não são homossexuais?

  6. O que dizer do Ministro Herman Benjamin: Competente, técnico, didático, equilibrado, com indiscutível domínio da
    ciência do Direito. Mesmo sobre forte pressão de quem diz uma coisa e faz
    ouitra , proferiu, com o seu voto, uma verdadeira aula de direito eleitoral.

Deixe seu comentário