Gleisi Hoffmann também “GANHOU” apartamento de luxo de construtora?

A senadora petista Glesi Hoffmann adquiriu uma cobertura de luxo em Curitiba,  no mesmo período em que o marido dela,  o ex- ministrio Paulo  Bernardo teria recebido propinas em contratos do ministério do planejamento, segundo a Polícia Federal. Paulo Bernardo teria recebido entre 2010 e 2015,  até  R$ 5,6 milhões desviados em contratos da pasta com o grupo Consiste,  responsável por gerir os serviço de crédito consignado a funcionários públicos.


Este conteúdo é produzido por CristalVox. Apoie nosso trabalho curtindo nossa página

No mesmo período, já considerando a inflação  Gleisi  Hoffmann dobrou seu patrimônio. Com valores declarados à receita de RS 660 mil em 2010, documentos mostram que em 2104  a senadora possuía bens no valor de R$ 1, 5 milhão de reais.

A cobertura de luxo comprada pela senadora foi declara com o valor de R$ 1.140 milhão. O imóvel fica em um condomínio de alto padrão no Bairro Batel, – Residencial Quartier, na rua José Cadilhe – um dos metros quadrados mais caros na capital paranaense. Segundo a imobiliária que comercializa as unidades no local, uma cobertura custa hoje, mais de 2 milhões de reais.

O prédio foi o primeiro  e único residencial construído em Curitiba pela Camargo Correa, empreiteira que foi a principal financiadora de duas campanhas de Gleisi Hoffmann em 2008 e 2010. Em depoimento a PF no ano passado,  a senadora admitiu ter pedido dinheiro para várias empresas,  entre elas a Camargo Correa, mas que as doações foram legais e declaradas para a Justiça Eleitoral….

http://cbn.globoradio.globo.com/grandescoberturas/operacao-lava-jato/2016/06/23/SENADORA-ADQUIRIU-COBERTURA-DE-LUXO-NO-MESMO-PERIODO-EM-QUE-MARIDO-RECEBEU-PROPINA.htm