Brasileiro atingido por atentado na Bélgica fala que “voou com explosão

O brasileiro naturalizado belga Sebastien Bellin, ex-jogador de basquete, falou pela primeira vez depois de ter sido vítima do atentado terrorista que atingiu Bruxelas. Ainda na cama de hospital, o ex-atleta deu entrevista ao jornal Le Capitale, da Bélgica.


Este conteúdo é produzido por CristalVox. Apoie nosso trabalho curtindo nossa página

“Depois de ouvir a primeira explosão, perto da sala de embarque, comecei a correr. Eu queria sair dali, sem pensar. Queria escapar porque sabia que tinha algo errado, mas não foi uma boa ideia e sei disso agora, porque tomei um tiro de uma Kalashnikov (uma arma). Não vi de onde estava vindo porque estava obcecado com meu voo. Quando atingiu meu quadril, eu caí e logo depois veio outra explosão. Aí eu voei uns 15 ou 20 metros, fui jogado como se fosse um travesseiro de penas”, falou.

Bellin ainda revelou que tentou deixar o local mesmo depois de ser atingido, mas não conseguiu se levantar para fugir.

O ex-jogador de basquete, que chegou a defender a seleção belga, foi levado para o Hospital Erasme. Bellin não tem previsão de alta e ainda deverá passar por uma segunda cirurgia antes de poder deixar o local.

De acordo com o Ministério da Saúde da Bélgica, o atentado terrorista em Bruxelas deixou mais de 300 feridos e mais de 30 pessoas morreram.

Ketevan Kardava/ Georgian Public Broadcaster via AP.(conteúdo Folha)

%d blogueiros gostam disto: