Bolsonaro será cassado se não reagir!

Se não reagir, o deputado Jair Bolsonaro(PSC) terá o mesmo destino de Eduardo Cunha na Comissão de Ética da Câmara dos Deputados. Será recomendada sua cassação pelo plenário da Câmara dos Deputados. Dos 21 integrantes da Comissão, só seis votaram pela abrtura do processo. O regimento prevê maioria simples para a deliberação.


Este conteúdo é produzido por CristalVox. Apoie nosso trabalho curtindo nossa página

 O Conselho de Ética da Câmara dos Deputados, atendendo requerimento formulado pelo Partido Verde,  que nunca deixou de ser um”satélite petista”,   aprovou nesta terça, 28 de junho, a abertura de processo disciplinar contra Bolsonaro. O parlamentar tem contra si a acusação de “reverenciar” a figura do Coronel Brilhante Ustra, no dia da votação que admitiu a abertura de processo contra a presidente afastada  Dilma Rousseff. Dos 21 integrantes da Comissão, só seis votaram pela abertura do processo. O regimento prevê maioria simples para a deliberação. Votaram contra Bolsonaro,  João Carlos Bacelar (PR-BA), Laerte Bessa (PR-DF), Wellington Roberto (PR-PB), Leo de Brito (PT-AC), Zé Geraldo (PT-PA) e Walmir Prascidelli (PT-SP).

Bolsonaro, considerado por seus seguidores como “mito”,  é alvo de outro processo, este tramitando no Supremo Tribunal Federal, no qual é acusado de ter “ameaçado” a deputada Maria do Rosário, por “vociferar” que ela “não merecia ser estuprada”.

Nos dois casos fica “escancarada”  a “cruzada” para afastar Jair Bolsonaro da disputa presidencial de 2018.    Ele, que de longe já lidera as pesquisas de opinião quando a pergunta é formulada: “Em quem o senhor ou senhora votaria hoje para presidente do Brasil”?

Jair Bolsonaro errou quando se curvou diante da decisão do Supremo.  Jamais um político, nas condições de Bolsonaro, poderia recuar. Foram, com a decisão do STF, criadas todas as condições para que sua candidatura se consolidasse de forma definitiva. Mas ao recuar,  abriu um enorme espaço para que seus adversários, todos militantes no campo da esquerda aproveitassem a oportunidade para alvejá-lo na comissão de ética.

Bolsonaro precisa reagir e partir para o ataque. O Pastor Everaldo não está sendo um bom conselheiro.  Ninguém transforma um “tigre” valente em um “cordeiro” dócil. Se imaginou, que perfilando-se junto aos evangélicos seria catapultado em direção do planalto, fez uma péssima avaliação.