ATENÇÃO: Ato terrorista em Brasília a explosão de uma subestação de energia ao lado do Congresso Nacional?

Todos estão calados, não falam do assunto. Estão com medo!  Foi um ato terrorista a explosão da central de energia no coração de Brasília?


Este conteúdo é produzido por CristalVox. Apoie nosso trabalho curtindo nossa página

 Mas o que o leitor do cristalvox pode pensar sobre o incêndio e explosão de uma subestação de energia elétrica em Brasília, exatamente a que abastece o Palácio do Planalto, O Congresso Nacional e a esplanada dos Ministérios?

O que o leitor do Cristalvox pode pensar sobre o incêndio e explosão de uma subestação de energia elétrica em Brasília no exato momento em que a comissão especial do Senado discutia os termos da auditoria apresentada por técnicos  sobre as irregularidades  que ensejaram o afastamento da Presidente Dilma Rousseff?

Ora, caros leitores… Isso tem nome: T E R R O R I S M O!

É um teste, uma prévia sobre o que pode ocorrer na Olimpíada?  Desligar a energia dos centros esportivos no momento em que as competições estiverem ocorrendo?

A ABIN já admitiu, publicamente, que numa escala de 1 a 5, a possibilidade da ocorrência de atos terroristas no Rio de Janeiro é 4…

Parte central de Brasília ficou sem luz depois de explosão em subestação da CEB. Ainda não se sabe o que causou o incêndio, apagado pelos bombeiros em cerca de duas horas. Reunião que cuida do impeachment no Senado teve que ser suspensa

A explosão causada por uma sobrecarga de energia em uma subestação da Companhia Energética de Brasília (CEB) foi motivo de transtornos no centro da capital federal, por volta das 19h. A unidade, que distribui eletricidade à Esplanada dos Ministérios, ao metrô e ao Senado Federal, precisou ser desligada para que o Corpo de Bombeiros apagasse as chamas do local. Por isso, diversos pontos da região ficaram sem luz. Quem voltava para casa enfrentou problemas no transporte público — já prejudicado pela greve dos metroviários. No Senado, reunião da comissão que avalia o impeachment da presidente afastada Dilma Rousseff acabou suspensa.

O fogo na subestação da CEB — Brasília Centro já havia se alastrado quando a entrada do Corpo de Bombeiros foi liberada para combater as chamas. Como a situação envolvia eletricidade, os bombeiros tiveram que esperar a ação de técnicos da companhia para desligarem os equipamentos da unidade. Dessa maneira, em vez de água, a corporação usou uma espuma especial para controlar o incêndio. Um dos quartéis dos bombeiros é vizinho ao local atingido, localizado atrás da garagem do Senado.

Leia matéria completa em
http://www.correiobraziliense.com.br/app/noticia/cidades/2016/06/28/interna_cidadesdf,538129/ceb-deve-avaliar-hoje-as-causas-do-incendio-que-provocou-apagao-na-cap.shtml