A VIAGEM SECRETA QUE VAI DERRUBAR ZÉ CARDOSO DA JUSTIÇA

José Eduardo Martins Cardozo, deputado federal do PT-SP, durante sessão da CPMI dos Correios, no Senado.

O Cristalvox repercutiu na manhã deste sábado, 12 de dez,  a viagem secreta – no meio da madrugada –  empreendida pelo Ministro da Justiça José Eduardo Cardoso e a cúpula da Polícia Federal a Curitiba, sede da Operação Lava Jato.


Este conteúdo é produzido por CristalVox. Apoie nosso trabalho curtindo nossa página

Na postagem,  o Cristalvox INFORMOU que o episódio não foi recebido com naturalidade pelos Comandantes das FFAA. Ao contrário, da Aeronáutica vazou a informação da viagem clandestina.

Agora o assunto já toma proporções institucionais e faz com que parlamentares com assento na Câmara dos Deputados passem a investigar o “estranho e inusitado passeio” de Zé Cardoso em Curitiba.

O Brasil vive um caldeirão. Um episódio dessa gravidade não dá margem à Presidente a não ser o do desligamento da sua equipe do “porquinho” Zé Cardoso. Por muito menos, o General Hamilton Mourão perdeu o Comando Militar do Sul.

Eis o que publica no final deste sábado a revista Época..

O deputado Alexandre Baldy (PSDB-GO) afirmou neste sábado  (12) que vai apresentar, na próxima segunda-feira (14), requerimento para que o ministro da Justiça, José Eduardo Cardozo, preste esclarecimentos sobre viagem secreta ao Paraná e o encontro que manteve com policiais federais com ligações com a Lava Jato, em Curitiba, na madrugada de terça-feira (8), conforme revelou reportagem desta edição da Revista Época.

ALEXANDRE BALDI PSDB GOIÁS..
ALEXANDRE BALDI PSDB GOIÁS..

A convocação do ministro será apresentada na Comissão de Fiscalização Financeira e Controle da Câmara dos Deputados. O deputado tucano também apresentará requerimentos de convite ao diretor-geral da PF, Leandro Daiello, ao diretor de Combate ao Crime Organizado, Maurício Valeixo, e ao superintendente da PF em Curitiba e chefe dos delegados da Lava Jato, Rosalvo Branco. Daiello e Valeixo acompanharam Cardozo na viagem. O parlamentar também vai apresentar à Mesa da Casa pedido de explicações sobre o ocorrido tanto ao Ministério da Justiça quanto à Polícia Federal.

“É de conhecimento geral que a operação Lava Jato envolve grandes nomes do Partido dos Trabalhadores (PT) e qualquer tentativa de aproximação e pressão por parte do governo deve ser explicada e até mesmo investigada. Pois, como cita a reportagem, ‘o encontro na penumbra ficou fora da agenda oficial do ministro’. A população precisa saber se há interesses extraoficiais”, afirma o deputado.

http://epoca.globo.com/tempo/noticia/2015/12/deputado-quer-explicacoes-do-ministro-da-justica-e-da-pf-sobre-encontro-com-policias-de-curitiba.html

convite-facebook

 

 

%d blogueiros gostam disto: